Gestlife


PROGRAMAS GESTAÇÃO POR SUBSTITUIÇÃO

Conceitos médicos de uma barriga de aluguer

Informações estendidas da barriga de aluguer


Em um processo de barriga de aluguer na Espanha , a gestante é uma mulher que oferecer sua capacidade de carregar o filho de outra pessoa ou parceiro (s). Seu único função é gestar e dar à luz o filho dos futuros pais. A gestante nunca trará seus próprios óvulos, dessa forma não será estabelecido nenhuma relação genética com a criança. Na verdade, na maioria dos países é É proibido por lei que mulheres grávidas contribuam com seu próprio material genético. Os futuros pais, se não puderem contribuir com gametas, devem recorrer à doação de gametas.

Nos processos de barriga de aluguer ( gestação de substituição ) os pais que desejam ter um filho, que buscam o processo de gestação de substituição, são conhecidos como pais de intenção, pois sem a intenção deles não haveria o nascimento dessa criança. Uma vez que é a pessoa ou pessoas que tentaram por anos ter um filho biológico ou adotivo, naturalmente ou através do processo in vitro e não alcançado.

Pais intencionais são tipos de casais e pessoas de diferentes status, preferência sexual ou social, tais como mulheres solteiras ou casais heterossexuais que lutaram contra a infertilidade durante anos ou pelo risco que pode acarretar a gravidez. É por essa razão que recorrem à gestação de substituição – barriga de aluguer.

Para escolher o melhor lugar para realizar o sonho de serem pais, recomendamos seja realizada consulta com nossos Conselheiros Familiares.


A fertilização in vitro (FIV) é a técnica de reprodução assistida utilizada na barriga de aluguer, na qual nas nossas clínicas os óvulos e espermatozoides serão fecundados. Dando origem aos embriões que serão transferidos no ventre da gestante.



Todas as mães comitentes (de intenção) podem aportarem seu material genético para a realização do programa de barriga de aluguer. Temos programas com óvulos próprios.

Sim, nos processos de barriga de aluguer é possível utilizar óvulos de doadora. Nesses casos o melhor programa é o realizamos com doadora de óvulos e tentativas ilimitadas – transferências ilimitadas de embriões.

Se você está interessado em saber mais sobre o preço da barriga de aluguer, convidamos você a entrar em contato conosco para reservar uma consulta gratuita por telefone. Incentivamos os pais comitentes a consulta um advogado especializado em fertilidade antes de prosseguir com a execução de um programa de barriga de aluguer.

É um programa de barriga de aluguer da GESTLIFE em que nossa CLÍNICA arca com as despesas do número de tentativas necessárias. Tantos ciclos e as transferências de embriões até que a gestante fique grávida. A vantagem é que você paga um preço fixo pelo tratamento de fertilização in vitro.

Num processo de barriga de aluguer onde o pai comitente tenha baixa mobilidade de espermatozoides será recomendado realizar a FIV com ICSI. A isso deve ser adicionado a questão relacionada à morfologia do esperma Quando encontramos casos anormais, devemos avaliar a possibilidade de Diagnóstico genético pré-implantação.

Se você estiver interessado em saber mais sobre o preço de uma barriga de aluguer com Diagnóstico Genético Pré-implantação, convidamos você a entrar em contato para marcarmos uma consulta gratuita por telefone. Recomendamos para os futuros pais que consultem um advogado especialista em reprodução humana assistida antes de prosseguir para realizar um programa de gestação de substituição. .

No caso presente, em que uma família realizará um processo de barriga de aluguer, você deve colocar em contato com nosso geneticista que especificará a presença / ausência de alterações genéticas responsáveis ​​por uma doença hereditária de casais portadores de patologias genéticas. Será devido a certas sequências de DNA de forma específica.

Se você estiver interessado em saber mais, nós o convidamos a nos contatar para reserve uma consulta gratuita por telefone e explicar o seu caso para que possamos ajuda-los.

Em um processo de barriga de aluguer , Diagnóstico Genético Pré-implantação (DGP) é uma técnica laboratorial que permite estudar o DNA de embriões e descartar aqueles com certas alterações hereditárias. Esta técnica é especialmente útil quando há um histórico de doença genético ou cromossômico na família e é realizado dentro de programas de Fecundação in vitro. Ou quando queremos saber o sexo do bebê ou garantir que o embrião implantado não tem anormalidades genéticas.

Em um processo de barriga de aluguer, a DGP é indicada para todas as pessoas que desejam realizar um estudo preventivo dos embriões antes de que seja realizada a transferência do mesmo na gestante. Este estudo nos permite revisar os 23 pares de cromossomos, para que possam ter um filho saudável.

Em um processo de barriga de aluguer com DGP, é possível estudar aqueles pré-existente no vínculo familiar ou estudo de anomalias mais frequentes, como trissomia 21 ou síndrome de Down, que é sempre acompanhada por um grau significativo de déficit intelectual e permite sobrevivências relativamente longas.

As trissomias 13 e 18 têm uma mortalidade muito alta, tanto no útero quanto na nascimento. O recém-nascido vivo com trissomia do cromossomo 13 (causa a síndrome de Patau: o criança tem três cópias do material genético do cromossomo 13) Geralmente morre em primeiras horas.

Na trissomia 18 (síndrome de Edwards), apenas muito raramente pode chegar ao ano de vida. A segunda alteração na frequência, após a síndrome Down, é a síndrome de Turner, que consiste na perda de um cromossomo sexual.

Em um processo de barriga de aluguer, seleção de sexo consiste em saber o sexo do bebê antes de realizar a transferência do embrião para o útero da gestante. A técnica de Diagnóstico Genético Pré-implantação deve ser realizada, no que as informações dos cromossomos são estudadas, incluindo os cromossomos sexuais XX e XY. Esta técnica é o único método eficaz 100% comprovado para determinar o sexo do seu futuro filho.

No Brasil e Portugal a seleção de sexo não é permitida. Dentre os países onde um processo de barriga de aluguer é permitida, a Ucrânia hoje está na vanguarda mundial, permitindo que as famílias escolham o sexo do bebê, pois mantém uma legislação sobre reprodução humana assistida aberta que considerou que a seleção de sexo pode ajudar muitas famílias.

Um processo de barriga de aluguer para Brasileiros e Portugueses geralmente dura entre 12 e 18 meses a partir da assinatura dos contratos iniciais. A partir daí, tudo vai depender do tempo que precisamos para conseguir a gravidez por barriga de aluguer e para que ela alcance bom porto.

Em um processo de barriga de aluguer, esta afirmação é totalmente falsa. Nos países que têm legislação sobre barriga de aluguer - exceto para o Reino Unido, que permite por lei que a gestante desista do compromisso assumido, resultando assim que o processo realizado não seja caracterizado como gestação de substituição – não permitem que a gestante fique com a criança.

Antes mesmo de que iniciem o tratamento médico, um contrato registrado em cartório com base na legislação vigente e decisões de tribunais estipula que se trata de um processo que beneficiará com a maternidade/paternidade aos que desejam ter um filho através da técnica de reprodução humana assistida.

Frequentemente esse erro de conceito ocorre porque no país dos pais comitentes é proibida a barriga de aluguer e por isso exigem uma renúncia perante notário. Isso pode sugerir que existe a possibilidade de que a gestante fosse considerada a mãe dessa criança, algo que no país onde o processo é realizado é impensado, pois ela não tem direitos e obrigações sobre essa criança.

Também existe dificuldade em entender que quando a gestante renúncia a um direito que ela já não possuí, é porque de maneira cautelosa nós conduzimos o processo para que os pais comitentes tenham segurança, caso o governo do país deles se negue a realizar a filiação. Dessa maneira, é realizada a prova de DNA do pai que aportou o material genético e quando a mãe necessita doadora de gametas, ela termina por ¨adotar¨ seu próprio filho. São tramites burocráticos que não podem impedir que o sonho de terem um filho deixe de ser realidade.

Adoções exigem o resignação da mãe biológica. A título de exemplo, na Espanha esse é o procedimento que ao dia de hoje deve ser tomado pelos pais comitentes, já que o governo espanhol se nega a realizar a filiação, porém não pode impedir que essas famílias tenham um filho. No final, tudo dá certo e o resultado é o mesmo.

Portanto, na Ucrânia a gestante não tem qualquer direito sobre o bebê.

Num processo de barriga de aluguer, o maior número de gestantes argumenta que entre os principais motivos está o fato de ajudar outra mulher que não pode ser mãe. Como para participarem como gestantes elas devem ter tido um filho saudável antes de poder ajudar uma família, elas entendem como uma mãe se sente. Para elas, seu filho é tudo e elas concebem o mundo sem seus filhos.

Isso os faz sentir uma enorme empatia por aqueles que não podem ter filhos. Dinheiro não é tudo. Pode ser que para alguma gestante a compensação financeira seja um dos motivos. Más na GESTLIFE nós analisamos cada caso, cada candidatura, para termos a certeza que o fator econômico não seja o único.

Durante um processo de barriga de aluguer, a gestante mora em sua própria casa, com sua família, o que lhe permite ter o equilíbrio emocional e afetivo do seu entorno familiar.

Em um processo de barriga de aluguer, o primeiro método para selecionar a gestante é por meio de entrevista psicológica. Em muitos países, é obrigatório a revisão de um psiquiatra. Também devem aportar atestados, como certificado toxicológico e certificado criminal.

Se passarem nos testes psicológicos, começa a parte médica. Na revisão com Departamento Médico de uma das nossas clínicas de reprodução/fertilidade, outros testes são feitos e é apresentado um diagnóstico.

Se os resultados do teste não estiverem dentro da norma, são comunicadas as causas pelas quais não é recomendado que a candidata participe da barriga de aluguer.

No caso de resultado positivo, a candidata passa a fazer parte de um programa de gestação de substituição, e o Departamento Médico se encarregará de preparar um plano de tratamento.

Em um processo de barriga de aluguer, os testes incluem: Urografia. - Exame terapêutico e seu relatório sobre o estado de saúde. - Consulta do psiquiatra. - Consulta genética. - Teste de sangue para RW, HIV, НвsAg, hepatite C. - Grupo sanguíneo e fator Rh. - Teste de sangue completo. - Hemostasiogramm. - Teste químico de sangue. - Detecção citogenética. - Análise de urina. - Manchas na flora. - Exame citológico do esfregaço do pescoço uterino. - Exame da pelve. - Exame de ultrassom dos órgãos pélvicos. - exame materiais do canal cervical (clamídia, micoplasma, ureaplasma, gonorreia, HSV, CMV). Entre muitos ...

A gestação de substituição é uma técnica de reprodução humana assistida.

Para aquelas pessoas que recorrem à barriga de aluguer para que possam ter um bebê, a fertilização in vitro (FIV) é a técnica utilizada.

Durante o tratamento de fertilização in vitro, os óvulos são removidos dos ovários da mulher e colocado in vitro (em um tubo de ensaio, que é de onde vem a palavra "vitro"). O óvulo é então fertilizado pelo esperma em um laboratório. O óvulo fertilizado pelo espermatozoide gera o embrião, que será implantado no útero da gestante, onde se espera que se desenvolva em uma gravidez saudável, conhecida como barriga de aluguer.

Além da fertilização in vitro, o tratamento é realizado com Injecao Intracitoplasmática de Espermatozoides em laboratório, conhecida como ICSI. Esse tratamento envolve a injeção de um único espermatozoide diretamente no óvulo. ICSI é recomendado também para casais onde o homem tem baixo número de células espermáticas ou uma baixa mobilidade das mesmas, o que torna menos provável que o esperma possa fertilizar o óvulo por si próprio. Por isso que não se recomenda a inseminação artificial.

Na barriga de aluguer tradicional, a gestante aporta o próprio material genético e então é realizada uma inseminação artificial.

Uma vez que na barriga de aluguer gestacional a gestante não tem nenhum vínculo genético (biológico) com o bebê será realizada uma fertilização in vitro (FIV), com os óvulos e esperma dos futuros pais ou com material genético de doadores.





Conceitos jurídicos de uma barriga de aluguer

Informações estendidas da barriga de aluguer


No Brasil a gestação de substituição é permitida entre familiares até o quarto grau, na modalidade altruísta. Não existe legislação específica sobre a matéria, havendo o Conselho Federal de Medicina determinado quem pode realizar o processo. Atenção: GESTLIFE, como bufete de advogados, representa o direito de compensação das gestantes. Por isso todas famílias do Brasil realizam seus tratamentos onde haja uma legislação que permite que a gestante possa perceber essa compensação pelo esforço dedicado à família comitente.

Em Portugal quase conseguimos que fosse efetiva a lei de gestação de substituição que permite a compensação para a gestante. Promulgada, ela foi vetada pelo presidente e posteriormente tomou chumbo do Tribunal. Lamentavelmente agora temos uma iniciativa de um grupo parlamentário que permitirá que a gestante, como na Grã-Bretanha, possa se arrepender depois do nascimento.

Em um processo de barriga de aluguer na Espanha os contratos assinados por ser pai de uma criança por barriga de aluguer não é reconhecido por lei espanhol atual, sendo completamente nulo.
Felizmente, a barriga de aluguer é legal em outros países, como Ucrânia, Rússia, Geórgia, Cazaquistão, Grécia, Estados Unidos, etc, ... Entre outros.
A constituição espanhola reconhece o direito à faculdade natural de cada pessoa a ser, individualmente, quem quer ser, sem coerção ou controle injustificados ou impedimentos. E, nesse sentido, Título I da Constituição Espanhol que fala de direitos e deveres fundamentais, artigo 10, poderia ser aplicado tanto do ponto de vista dos pais pretendidos quanto do grávida: ambas têm o direito de ser e agir como desejarem, utilizando livremente seu corpo.

Existem duas opções na barriga de aluguer: os países que emitem uma sentença judicial e aqueles onde a criança tem a filiação no registro civil a nome dos pais comitentes.

Por exemplo, na Grécia uma vez que, naquele país, o processo é realizado sob a tutela de um tribunal, e o governo grego emite uma ordem judicial de filiação, o Governo espanhol admite registro de crianças nascidas de barriga de aluguer na Grécia, em nome dos dois pais comitentes, sem subsequentes adoções, nem tempo de espera.

Rússia, Ucrânia e Albânia são países que emitem certidão de nascimento a nome dos pais comitentes.

Em setembro passado, o Tribunal Europeu dos Direitos do Homem (CEDH), que já havia condenado a França em 2014 por considerar que estava saindo "em um situação de incerteza jurídica ”para menores.

Ele respondeu que, no interesse das crianças nascidas de barriga de aluguer, a França teve que reconhecer algum tipo de afiliação aos pais pretendidos.

O tribunal considerou que, se não quisessem transcrever literalmente os autos de nascimentos originais, a via de adoção proposta pela França era aceitável e que se estima ser a proposta pelo Governo como norma para o futuro. Sem No entanto, em vista do pretérito - as filhas de Mennesson já são mais velhas do que idade - o Supremo Tribunal Federal decidiu que com esta família esta rota já não era adequada e tem ordenou, apenas "neste caso específico", que a "transcrição do certidões de nascimento estrangeiras ”- onde Sylvie Mennesson está listada como“ mãe legal ”- no registro francês para “reconhecer o vínculo no âmbito do respeito por direito das crianças à vida privada ”.

No Brasil faz jus à licença maternidade dos filhos havidos através da gestação de substituição. A licença-paternidade também, reconhecida no Brasil, consagra o direito social que goza a figura paterna se distanciar temporariamente do trabalho por razão da sua paternidade.

Visto que a licença maternidade abrange que cabe tanto para gestante como para adotante, visando em ambos casos a estruturação da família, sempre em prol do interesse maior da criança.

Decisões dos tribunais portugueses asseguram o direito à licença maternidade/paternidade.

Em Portugal os pais comitentes também disfrutarão da licença parental, como é conhecida no país luso a licença do trabalho decorrente do nascimento de filho.

Quer mais alguma informação?

Te ajudamos sem compromisso






A paternidade mudou nossas vidas. Houve um antes e um depois. E o depois foi muito melhor. Assim que sem dúvida começamos há anos essa jornada de fazer real o irreal, possível o impossível. Hoje somos mais de 150 profissionais em 7 países.


Redes sociais